Todo ponto de vista é apenas a vista de um determinado ponto.

quinta-feira, 27 de novembro de 2008

PA - Entregue e Apresentado - Decaf

Depois de muita luta e pesquisa, apresentei hoje meu PA. Foi uma experiência muito interessante porque tivemos a oportunidade de criar, além de um edifício, um marco para nossa cidade.
Foi bacana também trabalhar com pranchas maiores, enquanto estávamos acostumados a apresentar em 4 A2, pulamos para pranchas de 100x70 cm.
Não vou me concentrar em ficar explicando o projeto nesse post, mas qualquer dúvida, crítica, comentário ou sugestão é muito bem vinda!
Memorial Descritivo (resumido e editado):
-Localização
Localizado no ponto central de Juiz de Fora, o edifício proposto vem a suprir a necessidade de um edifício de escritórios que suporte empresas de grande porte e que necessitem de um espaço físico com maior área e total flexibilidade.
-Setorização térreo
Foram determinados dois acessos de entrada e saída de veículos, uma pela Rua Braz Bernardino, esta sendo assistida por uma via de desaceleração para entrada na garagem, uma baia de embarque e desembarque, além de uma baia exclusiva para taxis. O outro acesso se dá pela Rua Espírito Santo, com entrada e saída da garagem e área de descarga direta pela entrada de serviços.


Com a notável importância de um edifício deste porte na cidade, não poderíamos ignorar suas relações com a mesma. Por este motivo foi criada a praça que se caracteriza como espaço público frente ao edifício. Praça esta que se relaciona com os vazios encontrados ao longo da Avenida Barão do Rio Branco, exemplificados pela Catedral Metropolitana e o Parque Halfeld.
A realocação do edifício pré-existente se deu de forma a valorizar o edifício, posicionando-o em posição privilegiada frente à praça. Esta valorização leva aos moradores um maior cuidado com o espaço em seu entorno imediato - a praça- criando os chamados "olhos da rua" expressão cunhada pela Socióloga Jane Jacobs no livro “A Morte e Vida nas Grandes Cidades”.

-Volumetria
A ordenação volumétrica se dá em correspondência aos tipos de pavimentos, e em congruência ao sistema estrutural metálico. A pele de vidro que protege a fachada Norte (fachada com maior incidência de raios solares), se eleva com um movimento único e elegante, que se torna contínuo no corpo do edifício com os terraços que dissolvem sua forma. A pele de vidro e o edifício em si, servem de novo monumento-marco para a cidade, representando a prosperidade veiculada com a visibilidade de Juiz de Fora no cenário internacional, graças a este empreendimento.

A massa edificada se contrapõe à leveza aparente da pele de vidro, criando a dicotomia entre o material e o etéreo, o pesado e o leve, somando aos significados o avanço suportados por uma base sólida.
O volume gerado pelo edifício residencial pré-existente não foi ignorado, e recebeu tratamento concordante com a estética do edifício de maior porte integrando-o completamente – inclusive estruturalmente - ao conjunto arquitetônico.

-Sustentabilidade:
A preocupação com a sustentabilidade levou a uma postura pró-ativa, onde o edifício não só consome menos energia, mas também produz energia.
Baseando-se em uma pesquisa do Massachusetts Institute of Technology (MIT) dos Estados Unidos, onde a clorofila do espinafre foi sintetizada como aditivo no polímero utilizado em células foto voltaicas para aumentar significativamente sua eficiência e flexibilidade de aplicações, tornando praticamente qualquer vidro em célula fotovoltaica.

O grande vidro que cria uma pele dupla de proteção na fachada Norte da torre, serve-se também de outros propósitos, como a aplicação fotovoltaica. A forma desta “pele de vidro” está intrinsecamente ligada ao percurso solar durante o ano, maximizando assim a geração de energia.
Pavimento tipo A:
Fotos da maquete:
Fotografo: Henrique Gonçalves

Eu vacilei em não colocar nas pranchas algumas das muitas preocupações que tive com os espaços internos, distribuição, e detalhamento, mas no final das contas tudo deu certo, e fiquei muito satisfeito com meu resultado.
Gostaria de ouvir a opinião de vocês!
Agradecimento especial à minha noiva por aguentar todas estas horas em frente ao computador(Luvo!).

10 comentários:

Cynthia Yong disse...

Thiago, i must say, its a great work!! great models, great descriptions and great boards. by the way, i learn something new from your project, the usage of the chlorophyll of spinach which was synthesized as an additive in the polymer to increase the efficiency of applications. Congratulations on the good delivery! thumbs up!

Ricardo Rossin disse...

Muito legal ver que estudaram outros assuntos para desenvolver o projeto...

Parabens pelo resultado!!

Anônimo disse...

Parabens Thiago, estou muito orgulhoso de você,tenho certeza que encontrastes teu caminho.
Um beijo!

Pai

Marco Antonio Borges Netto - Marcão disse...

Caros leitores do Vista do Observador,

divulgo o post sobre as enchentes de Santa Catarina no link http://revistacrise.blogspot.com/2008/11/ajude-as-vtimas-das-enchentes-em-santa.html.

Abraços.

Anônimo disse...

Grande Thiago,
Estive observando seu trabalho e fiquei encantado com a beleza e a criatividade. O poder de sua criação e desenvolvimento foi otimo.O grande tempo que se dedicou para executar esse maravilhoso projeto valeu apena.
siga sua jornada porque você será um dos grandes nomes da arquitetura num futuro próximo.
Sem mais do Amigo,
Jose Ricardo

Gabi disse...

Nossa mt legal! qq tu usou para teus 3ds? abraço e parabens

Thiago Beck disse...

Gabi, muito obrigado! Usei o Google Sketchup em tudo!

Gabi disse...

Oi thiago!! éé eu uso sketchup tmb!! =) mas renderizo depois com o kerkythea! nossa adorei teu trabalho!!! próximo semestre na minha faculdade na cadeira de, projeto o tema será um edifício! Muito bom pra se inspirar!! legal mesmo! parabéns!

Thiago Beck disse...

Que bom que você gostou! Onde vc estuda? se quiser pode me adicionar no msn pra gente trocar mais ideias: zaox_beck@hotmail.com

Carlos Zago disse...

Olá Thiago, primeiramente, parabéns pelo excelente trabalho e nível de apresentação, bom sou aluno do 4º ano de Arquitetura, uso muito o Sketchup também e justamente neste tema gostaria de saber se poderia me auxiliar sobre, uma conversa apenas! Agradeço muito e mais uma vez parabéns!